Santos inicia reforma da Vila Belmiro com planos ousados

A nova diretoria do Santos quer que a Vila Belmiro volte a se tornar um “alçapão“, como era até a década passada. Para isso, contratou um escritório de arquitetura com a missão de viabilizar uma reforma no estádio, que se tornou centenário em 2016 e passou por várias mudanças ao longo dos anos.

O primeiro passo foi dado: acabar com o setor de camarotes atrás do gol oposto ao placar, transformando o local numa arquibancada popular.

– Aquele camarote do fundo, que mais parece uma choupana, aquilo vai sair tudo. Os vidros vão ficar menores.

Santos inicia reforma da Vila Belmiro com planos ousados

Há outros conceitos sendo discutidos, como uma mudança no local destinado à torcida visitante. Mas a ideia mais ousada almeja acabar com pontos cegos no estádio, principalmente os do antigo “setor Visa” – o trecho térreo da chamada “arquibancada do retão”.

Não há ainda um projeto definido. O que existe é um conceito: unir o primeiro e o segundo pavimentos desse retão, deixando intacto apenas o terceiro andar. Guardadas as devidas proporções, é algo similar ao que foi feito no Maracanã, que viu a “geral” e o setor de cadeiras se tornar um novo local de assentos numerados. No caso da Vila, porém, a ideia é que essa nova área seja de arquibancada.

Esse novo setor teria arquibancadas mais íngrimes. Com estrutura tubular, a referência óbvia é a do estádio da Ilha do Governador, a “Ilha do Urubu”, que vem sendo utilizado pelo Flamengo. A expectativa é que isso ajude a aumentar a capacidade da Vila Belmiro, tornando-a novamente um alçapão.

Santos inicia reforma da Vila Belmiro com planos ousados

No ano passado, a média de público do Santos como mandante foi de 11.759 pessoas (17º entre clubes das Séries A, B e C do futebol brasileiro), sendo 8.264 na Vila Belmiro (em 25 jogos) e 22.682 no Pacaembu (oito partidas).

Outras mudanças na Vila

Há várias outras ideias discutidas para dar mais conforto e opções para os torcedores na Vila Belmiro. Uma delas é levar o Memorial das Conquistas para a área do ginásio, que é bem maior. Outra é usar o chamado “Salão de Mármore” como um restaurante em dias de jogos.

 

5 (100%) 1 vote